Webinar aponta possíveis reinvenções do sistema financeiro frente à blockchain

Webinar aponta possíveis reinvenções do sistema financeiro frente à blockchain

Nesta terça-feira, a Cantarino Brasileiro estreou um projeto com o canal de notícias Blocknews e pretende levar o tema da blockchain cada vez para mais perto do ecossistema financeiro, apresentando as oportunidades que a tecnologia oferece aos players no ambiente B2B e B2C.  

O evento é o resultado de um projeto que começou a ser desenhado no ano passado e culminou em um formato de webinar dividido em episódios. “Nosso propósito é gerar valor para a sociedade promovendo soluções que contribuam com o ecossistema e o blockchain é uma dessas tendências que promoverá maior acesso e inclusão financeira à população”, pontuou o Marcos Cantarino, CEO da Cantarino Brasileiro, na abertura do evento.  

O webinar foi composto por dois painéis. No primeiro debate, os convidados exploraram as novas exchanges. Mas, foi o segundo painel que, de fato, apresentou as oportunidades de negócios ao ecossistema.

“A gente sabe que a maioria dos bancos tem o mandato contínuo de melhoria da eficiência operacional. Quase todo ano eles buscam com a inovação e tecnologia, transformar processos atuais em processos mais eficientes, mais rápidos, eventualmente mais baratos, e que tragam uma melhor experiência do consumidor”, pontuou Gustavo Paro, gerente no Brasil e sales head Latam da R3, contextualizando a tecnologia oferecida pela empresa que usa a blockchain para aportar mais confiança e fluidez no processo de negócios. 

Lançando um olhar para a área de inovação dos bancos, George Marcel Smetana, especialista em pesquisa e inovação do Bradesco, pontuou que o blockchain hoje pode ser usado em três áreas, sendo elas: problemas universais, problemas da indústria doméstica (Brasil) e problemas organizacionais.  

“Nas soluções internacionais é mais fácil encontrar produtos de prateleira, que podem ser manuais ou APIs e na hora que você combina isso com automação, ganha escala e volumetria”, explicou.

Por outro lado, quando o assunto são os problemas domésticos, ele lembra que ainda não se tem tantos casos de uso em produção no cenário brasileiro, e justifica: “No Brasil, temos uma estrutura de mercado financeiro muito bem desenvolvida e estruturada, mas quando perguntam se podemos usar blockchain, existem vários fatores para se analisar. Um deles é o fato de que quando você tem que desenvolver o projeto do zero isso dá muito trabalho, leva tempo e envolve diversos setores”. 

Por sua vez, Marcelo Hirata, diretor de TI do IRB Brasil Resseguros, falou sobre as oportunidades para o mercado de seguros. “No modelo de operação dos seguros, a aplicabilidade da tecnologia blockchain faz muito sentido. É uma tecnologia segura que propõe mais agilidade, interação entre os atores e fazer com que todos ganhem com eficiência operacional, redução de custos e inovação ao mercado de seguros”, opina, já antevendo um projeto em desenvolvimento na empresa que prevê benefícios para o consumidor final por meio de ganho de escala operacional, segurança e agilidade. “O órgão regulador pode fazer uma série de monitoramentos da rede para garantir que as transações estejam no compliance com o modelo seguro”, completou.

Para acompanhar o desfecho desse debate, vejo o conteúdo na íntegra aqui.

Insights Ed. 22

EditorialTrilhas ampliam visibilidade e agregam conhecimento complementar
1Metaverso, blockchain e transformação digital dos bancos pautam 17ªedição do ABB
2Webinars de junho discutem o futuro das ATMS e dos bancos digitais
3Webinar aponta possíveis reinvenções do sistema financeiro frente à blockchain
4Fórum Bancos,Telcos e Utilities surpreende os convidados
5CX é explorado em trilha no mês de março mas continua em alta
6Grupo de Trabalho capta dados para elaborar cartilha sobre Superendividamento
Ponto de VistaInclusão financeira e o impacto social

Compartilhe

Notícias relacionadas

Uncategorized
Raio X PBT 2022: iniciativas em blockchain
A temática do uso da blockchain no ecossistema financeiro foi introduzida na 17ª edição do...
Uncategorized
Terceirização das ATMs ganha nova perspectiva no Brasil
Caminho alternativo já é realidade nos mercados mais maduros; no Brasil, a
Uncategorized
Máquinas de autoatendimento avançam na sigla ESG
Além da questão social amplamente discutida, a tecnologia têm
Uncategorized
Inovação e inclusão financeira nos bancos digitais norteiam próximo webinar
Evento será realizado na quinta-feira, dia 30; na semana seguinte, discussão será retomada sob a...

Assine o CANTAnews

Não perca a oportunidade de saber todas as atualizações do mercado, diretamente no seu e-mail

plugins premium WordPress
Scroll to Top