nota4

Visa dobra número de novas parcerias de cobranded em um ano

Por Edilma Rodrigues

A Visa dobrou o número de contratos fechados e lançou vários cartões cobranded no mercado, em 2019. Segundo a empresa, o crescimento está diretamente atrelado ao investimento da Visa e de seus emissores em agregar valor aos cartões por meio de tecnologia e de inteligência de dados. O diretor da Visa, Rafael Littieri, conta que esse resultado decorre da oferta de inovações como cashback, data analytics, pagamento por aproximação. “Tudo isso com implementação rápida e segura para os parceiros. Ao simplificar a vida das empresas com insights de mercado e ao levar modernidade e conveniência a esses portadores, estamos expandido nossa penetração no mercado”, explica.

O executivo esclarece que a empresa trabalha em pesquisas para entender melhor como o brasileiro enxerga estes cartões para oferecer às empresas soluções mais assertivas para o país. É o caso do estudo “The Loyalty Report”, feita pela Bond Brand Loyalty, em parceria com a Visa, que identificou que entre os mais de 30 itens avaliados pelos consumidores sobre satisfação dos cartões cobranded no Brasil, 67% estão relacionados à experiência do cliente. 

Novas parcerias

Entre os novos cartões que surgiram no mercado brasileiro esse ano estão parcerias com Rappi, Dotz, a revitalização do portfólio do LATAM Pass – novo programa de fidelidade do Grupo LATAM Airlines totalmente unificado e que incentiva ainda mais o acúmulo de pontos para o resgate de passagens aéreas –, além de diversos cobrands emitidos pela Credz, que passou a ser nossa emissora esse ano. 

Uma das razões para esse crescimento está ligada ao programa da Visa chamado Fast Track, solução que agiliza a entrada de players interessados em lançar soluções de pagamento. Isso é possível graças à parceria com empresas emissoras de Cartão Visa que atuam como plataformas de processamento tecnológico para varejistas e outras empresas no Brasil, todas focadas em emitir diferentes tipos de cartão ou digitalização de pagamentos. Até julho, a novidade já facilitou a emissão de cartão de 20 empresas brasileiras e ainda mais 43 estão em processo de integração.

Aumento no volume de pagamentos com cobranded: cartão Smiles tem 260% de aumento nas vendas

Além de dobrar o número de novos contratos, a Visa também registrou um aumento no volume de pagamento por esses cartões. Um exemplo disso foi o crescimento do cartão Smiles. “Desde a mudança, a empresa registrou um aumento das vendas em 260%”, informa a diretora comercial de bancos e varejo da Smiles, Mirelly Gama.

“As pessoas entendem melhor os benefícios do produto e deixaram de utilizá-lo apenas nas lojas ou nas empresas donas dos cobranded. Eles incorporaram o uso do cartão nos pagamentos do dia a dia.”, reforça Littieri.

Estudo aponta que o cobranded reforça a lealdade do cliente

De acordo com dados da pesquisa “The Loyalty Report”, o cartão cobranded é uma excelente ferramenta para reforçar a lealdade do consumidor, ao contribuir para o aumento dos níveis de satisfação dos clientes, uma vez que oferece benefícios adicionais aos programas de fidelidade. Dos entrevistados, 50% dos brasileiros muito satisfeitos usam mais o cartão.

Além disso, o “The Loyalty Report” ressalta que 87% dos consumidores brasileiros estão mais propensos a recomendar marcas com bons programas e 75% costumam concentrar suas despesas ou escolhem onde e quando consumir para maximizar seus pontos ou benefícios. Isso demonstra que investir em ferramentas e programas de fidelização pode ser uma ótima estratégia para se ter recorrência de uso.

O estudo também mostra que 13% dos clientes no Brasil nunca resgataram algum benefício, seja utilizando milhas para comprar passagens ou tendo acesso a um desconto exclusivo de algum cartão cobranded de varejo.

Os consumidores que já fizeram algum resgate com cartões cobranded estão em média 2 vezes mais satisfeitos do que aqueles que nunca fizeram. E os clientes que atingiram uma meta pessoal estipulada por meio de um resgate costumam estar ainda mais satisfeitos dos que não tinham um objetivo. Esse fato indica que a correta gestão das expectativas dos clientes do cobranded por meio de metas razoáveis e individualizadas é fundamental para o nível de sua satisfação.

Fonte: Visa

Compartilhe

Notícias relacionadas

Blog
Mudança na natureza jurídica da ANPD fortalece aplicação da LGPD
Por Edilma Rodrigues A Medida Provisória (MPV) nº 1.124, de 13 de junho de 2022 assinada pelo...
Blog
Mercado Pago usa tecnologia de segurança da Mastercard para criptos
A carteira digital do Mercado Livre, o Mercado Pago, vai usar
Blog
Ant Group lança banco digital para micro, pequenas e médias empresas em Singapura
O ANEXT Bank, banco digital de atacado de Singapura e parte do Ant Group, anunciou...
Blog
Cetelem vai reduzir 6 mil toneladas de CO² com emissão de cartões reciclados
O Banco Cetelem Brasil emitiu cerca de 370 mil cartões de plástico reciclado, desde o...

Assine o CANTAnews

Não perca a oportunidade de saber todas as atualizações do mercado, diretamente no seu e-mail

plugins premium WordPress
Scroll to Top