UNECS, nova entidade de defesa do comércio, apresenta propostas sobre meios de pagamento ao Banco Central

Na ultima segunda-feira (23/11) a recém-criada UNECS (União Nacional das Entidades de Comércio e Serviços) realizou uma reunião com representantes do Banco Central para discutir propostas de regulamentação para o funcionamento dos meios eletrônicos de pagamento no Brasil. A criação da nova organização foi anunciada em 16 de setembro. Ela congrega as seguintes entidades: ABRAS (Associação Brasileira de Supermercados), ABAD (Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores), Alshop (Associação Brasileira de Lojistas de Shopping), Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), Anamaco (Associação Nacional de Materiais de Construção), CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas) e CACB (Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil) que juntas representam 16,3% do PIB. A pauta da UNECS sobre os meios de pagamento envolve os seguintes pontos:

1. Cartão de Crédito

– Redução do custo de transação do cartão de crédito (taxas de administração e custo de aluguel das maquinetas)

– Redução do prazo de repasse dos valores aos lojistas, atualmente de 30 dias em média

– Direito de diferenciar preços entre pagamento a vista ou através de cartão de crédito

– Diminuição dos juros do cartão de crédito

2. Cartão de Débito

– Regulamentar a cobrança do serviço, para que seja cobrada uma tarifa e não um percentual sobre o valor da compra

– Favorecer a entrada de novos players, assegurando maior competição nesse serviço

 3. Vouchers

– Diferenciação de preço: desconto para o consumidor que paga em dinheiro

– Proibição do deságio, proibindo a cobrança de taxas negativas para ganhar concorrência de fornecimento de vale-alimentação

 

Segundo informações divulgadas pela CNDL, no encontro com a equipe do BACEN foi proposta a criação de um grupo de trabalho para discutir os pontos de interesse comuns entre UNECS e o Banco. O comunicado diz que a princípio a equipe do BACEN gostou da ideia, mas a UNECS deve propor a sua formalização.

Compartilhe

Notícias relacionadas

Blog
Mudança na natureza jurídica da ANPD fortalece aplicação da LGPD
Por Edilma Rodrigues A Medida Provisória (MPV) nº 1.124, de 13 de junho de 2022 assinada pelo...
Blog
Mercado Pago usa tecnologia de segurança da Mastercard para criptos
A carteira digital do Mercado Livre, o Mercado Pago, vai usar
Blog
Ant Group lança banco digital para micro, pequenas e médias empresas em Singapura
O ANEXT Bank, banco digital de atacado de Singapura e parte do Ant Group, anunciou...
Blog
Cetelem vai reduzir 6 mil toneladas de CO² com emissão de cartões reciclados
O Banco Cetelem Brasil emitiu cerca de 370 mil cartões de plástico reciclado, desde o...

Assine o CANTAnews

Não perca a oportunidade de saber todas as atualizações do mercado, diretamente no seu e-mail

plugins premium WordPress
Scroll to Top