Crédito de: Freepik.com

Passageiros de transporte público almejam usar pagamentos por aproximação

Novo estudo da Visa destaca a necessidade de uma maior unificação e simplificação dos sistemas de pagamento no transporte público da América Latina
Milhões de pessoas usam o transporte urbano em seu dia a dia na América Latina. A adoção de sistemas inovadores de pagamento nos meios de transporte coletivo tem aumentado, mas ainda há desafios a serem solucionados para que a mobilidade urbana realize todo seu potencial de acelerar a inclusão financeira e tornar esse tipo de transporte melhor e mais acessível a todos.
A Visa apresentou nesta semana os resultados da nova edição do seu estudo “Futuro da Mobilidade Urbana”, e revelou que 51% dos usuários de transporte público pesquisados ​​ainda recorrem a quatro ou mais meios de pagamento a cada mês para utilizar transporte público – destacando a necessidade de uma maior unificação e simplificação dos sistemas de transporte coletivo. Na verdade, 64% dos pesquisados usariam um serviço digital para planejar, reservar e pagar antecipadamente todos os seus meios de transporte em uma única plataforma, e 94% dos passageiros esperam que os meios de transporte público aceitem pagamentos por aproximação no futuro.
“Os resultados do estudo demonstram a enorme oportunidade que existe na região para continuarmos transformando a mobilidade urbana com soluções inovadoras de pagamento digital que facilitem o deslocamento dos passageiros”, diz Andres Polo, head de Mobilidade Urbana da Visa América Latina e Caribe. “Cada vez mais, os passageiros esperam que o transporte coletivo acompanhe os padrões de pagamento por aproximação. A Visa é uma parceira de confiança do setor de mobilidade urbana e estamos comprometidos a continuar expandindo essa tecnologia para desbloquear um valor que vai além do transporte urbano, promovendo a inclusão financeira, fortalecendo as economias locais e tornando as viagens diárias mais inclusivas e sustentáveis para todos.”
A terceira edição do estudo “Futuro da Mobilidade Urbana” da Visa é uma continuação do estudo do ano passado, cujo foco foi o retorno do consumidor ao transporte público após a covid-19. A pesquisa deste ano foi realizada com 11.500 participantes, em 12 mercados (incluindo Chile e México). 

Soluções no Brasil

No Brasil, a Visa se uniu ao Cubo Itaú, mais relevante hub de fomento ao empreendedorismo tecnológico da América Latina, com o objetivo de impulsionar as soluções de pagamento digitais e modernas, principalmente no ecossistema de mobilidade urbana do Brasil e América Latina, a companhia vem buscando parcerias para o desenvolvimento de soluções que possam atender dores apontadas por clientes e consumidores, como mais fluidez no momento dos pagamentos, mais sustentabilidade através da redução do uso de papel, maior segurança contra fraudes e redução dos gargalos do sistema.
“Ter a oportunidade de conectar uma gigante como a Visa com soluções desenvolvidas por membros do Cubo é potencializar novos projetos que podem impactar diretamente o cotidiano e qualidade de vida da população brasileira e de outros países da região”, comenta Paulo Costa, CEO do Cubo Itaú.
A expectativa da Visa é lançar ao mercado diversas soluções dentro dos próximos 12 meses, tanto com melhorias para mobilidade urbana, por meio de transportes públicos, quanto tecnologias voltadas a praças privadas, como estacionamentos de shoppings e centro de eventos. O intuito é que com estas propostas, novos casos de uso se tornem referência para o mercado, levando as vantagens de tecnologias modernas, como pagamento por aproximação e biometria facial, a um número cada vez maior de negócios e de pessoas.
“Na Visa, sabemos da importância de se trabalhar inovação de forma aberta e colaborativa. É unindo forças que potencializamos nossas tecnologias e conseguimos levar benefícios para toda a população brasileira. O Cubo Itaú é um excelente palco e parceiro nesse nosso desafio de transformar a mobilidade urbana no país”, conta Julio Ramos, head de Soluções para Mobilidade Urbana da Visa no Brasil.
Um dos objetivos da Visa é desenvolver cada vez mais projetos de sucesso como a parceria com MetrôRio, onde os pagamentos por aproximação têm diminuído o custo e tempo de implantação e trouxeram importantes resultados.
No primeiro ano de parceria, houve um crescimento exponencial de pessoas que adotaram esse método de pagamento. Houve um aumento médio de 40% ao mês e o uso médio diário durante a semana ficou em 1,75 vez por passageiro.
Em relação a experiência do usuário, houve uma melhora de percepção pelo público, dado ao encurtamento das filas e a facilidade no processo de entrada das estações. A melhor evidência da percepção positiva dos usuários é a taxa de recorrência de 97%. Isso significa que após o primeiro uso, 9 em cada 10 pessoas continuam usando esta solução para outras viagens.
Quanto ao turismo, também foi impactado. Visitantes de mais de 20 países diferentes utilizaram a solução nas catracas do Rio de Janeiro no primeiro ano da implementação da tecnologia, sendo o primeiro lugar ocupado pelos britânicos, seguidos por argentinos, franceses e norte-americanos.

Segurança

Outro tópico é a questão da segurança. O sistema de pagamentos criado pela companhia ajuda a identificar padrões de fraude e detectar transações suspeitas. Uma das maiores preocupações está relacionada ao sistema de gestão de transações, um software que auxilia a equipe do MetrôRio a acompanhar as transações, mudanças no perfil do passageiro e, principalmente, tentativas de fraude e taxas de autorização. No caso do MetrôRio, o risco financeiro se manteve em torno de 0,03%.
As oportunidades e desafios do cross industry com o segmento financeiro é o tema central do Fórum Banking Anywhere - a expansão dos serviços financeiros, que acontece essa semana, no dia 5 de outubro, em São Paulo/SP. Para ver todos os detalhes e RESERVAR SEU LUGAR, acesse aqui.

(Fonte: Assessoria de imprensa)

Compartilhe

Notícias relacionadas

TOP 6
CMN e BC aprovam medidas para amenizar os efeitos da calamidade pública no RS
O Banco Central monitorará continuamente o funcionamento da intermediação financeira na regiãoEm reunião extraordinária no...
TOP 6
Competição voltada às tecnologias para finanças sustentáveis abre inscrições
Quinta edição do G20 TechSprint foi lançada pelo Banco Central (BC) e o Centro de...
TOP 6
Celcoin adquire startup especializada em regulação bancária e fiscal
Reg+ representa a quarta aquisição em dois anos, e reforça o investimento da empresa em...
TOP 6
Programa Celular Seguro é desconhecido por 40% da população, aponta pesquisa
Levantamento encomendado pela Febraban mostra que 29% dos entrevistados não estão interessados na plataformaAté o...

Assine o CANTAnews

Não perca a oportunidade de saber todas as atualizações do mercado, diretamente no seu e-mail

plugins premium WordPress
Scroll to Top