Crédito: Paulo Marcelo, CEO da Solutis

O novo tipping point das instituições financeiras

por Paulo Marcelo, CEO da Solutis
A inteligência artificial é um novo ponto de inflexão para a humanidade, tanto que vem sendo classificada como a quarta revolução industrial. Em poucos anos,erá, provavelmente, uma contribuição muito maior que a da TI. Finalmente, volumes colossais de informações podem ser analisados em tempo real, aproveitando a onipresença da tecnologia que, agora, é praticamente extensão do corpo humano, como profetizou McLuhan, no século passado. 
Os avanços em IA, juntamente com tecnologias como o blockchain, têm permitido que os bancos detectem fraudes com uma precisão antes impossível, reduzindo riscos e protegendo os ativos das instituições e os dados dos clientes. Com isso, processos mais complexos podem ser automatizados e transações podem ser executadas de forma segura e eficiente, sem intermediários.
O dinheiro e o produto financeiro já são transacionados e protegidos pela tecnologia. A IA agora chega ao middle e ao back-office para agregar produtividade e efetividade. Por exemplo, capturar insights das chamadas de clientes, analisar sistemas bancários e preparar sua modernização ou, principalmente, usar a genAI para atingir níveis de personalização em campanhas ou design de produtos antes economicamente inviáveis.
Com grandes poderes vêm grandes responsabilidades. A oportunidade também traz desafios. Essa evolução depende de adaptações da instituição financeira: infraestrutura cloud, estratégia e governança de dados, excelência na gestão da privacidade, além de transparência nas decisões automatizadas para a confiança do público.
Em resumo, esse tipping point permitirá às instituições financeiras preverem tendências com maior precisão, se adaptarem rapidamente às mudanças e oferecerem serviços cada vez mais personalizados. Estamos só iniciando um novo processo de transformação do setor financeiro em um ambiente mais ágil, seguro e centrado no cliente.

Esse artigo foi publicado na 19ª edição do Anuário Brasileiro de Bancos. Acompanhe as principais tendências e movimentos do ecossistema financeiro no último ano.

Compartilhe

Notícias relacionadas

Exclusiva
Transformação sustentável: o papel das instituições financeiras na transição
Enquanto os riscos da crise climática colocam a população e a economia em alerta, o...
CANTAnews
Low-code revoluciona aplicações no setor financeiro
Carlos Sapateiro, Country Leader da OutSystemsAs instituições financeiras examinam frequentemente seus negócios avaliando cenários para...
CANTAnews
Seis tendências tecnológicas para o setor financeiro
por Wagner Martin, VP de negócios da Veritran no BrasilEm um cenário marcado pelos avanços...
CANTAnews
A eficiência em terceirizar agências e serviços bancários
por Tiago Aguiar, superintendente executivo de Produtos, Novos Negócios e Marketing da TecBanNa rota da...

Assine o CANTAnews

Não perca a oportunidade de saber todas as atualizações do mercado, diretamente no seu e-mail

plugins premium WordPress
Scroll to Top