ISPs podem ter bancos digitais white label

ISPs podem ter bancos digitais white label

Por Edilma Rodrigues

A oferta de serviços financeiros por empresas dos mais diversos segmentos é uma realidade e as formas de elas entrarem nesse mundo varia bastante. São parcerias com bancos, fintechs e instituições de pagamento; criação de braços financeiros e, mais recentemente, a adoção de tecnologias de bank as a service, que permitem encurtar o caminho, para menos de três meses, para se ter um banco digital.

Os clientes de ISPs – provedores de serviços de internet, por exemplo, agora podem abrir conta, ter cartão pré-pago, débito via carteira digital e outras soluções financeiras com o ISP Bank, solução que possibilita ao provedor investir na oferta de diversos serviços financeiros para seus clientes, como se fosse um banco digital. Desse modo, o cliente – pessoa física ou jurídica – que contrata um pacote de internet pode ter acesso, também, a serviços financeiros.

Segundo o diretor comercial da TIP Brasil, Cristiano Alves, um dos grandes problemas dos provedores é o custo na emissão de boletos. Para atender demandas desses provedores de internet, a TIP Brasil, especializada em soluções de conectividade, e a LogBank, empresa de meios de pagamento e arranjos financeiros no modelo white label, criaram uma plataforma de pagamento customizada para o segmento de ISPs. 

“Com o ISP Bank, estamos falando na redução do valor em até 70% por boleto, uma vez que o cliente pode pagar a conta pelo aplicativo. Com a desintermediação do serviço financeiro, a redução de despesas do provedor, ao se conectar à plataforma, pode variar de 50% a 80%”, explica o diretor da TIP Brasil.

Além da redução de custos, a solução desenvolvida em parceria com a LogBank moderniza os processos e contribui para o aumento da receita do provedor com a venda de novos serviços. “O ISP Bank fornece cartões pré-pagos bandeirados e maquininhas (POS) conectadas à plataforma financeira. Tudo de maneira integrada, ágil e no modelo White Label, ou seja, com a marca do provedor de Internet”, conta o vice-presidente comercial da LogBank, Bernardo Biolchini.

De acordo com a proposta do ISP Bank, o desenvolvimento e a implementação do banco digital com a identidade do provedor são realizados em menos de três meses. Com essa oferta, a LogBank e a TIP Brasil esperam fechar 100 contratos em dois anos, atingindo, no mínimo, 2 milhões de pessoas.

No caso de outros tipos de contas, pagos via ISP Bank, o provedor recebe uma porcentagem a cada transação. A lógica também é aplicada para estabelecimentos e usuários que utilizam a máquina de pagamentos e os cartões do banco digital. Por estar integrada ao Sistema de Pagamentos Brasileiro (SPB), a LogBank recebe TEDs de outras instituições financeiras diretamente na conta do usuário.

O ISP Bank tem como sócios os empresários Alexandre Alves e Cristiano Alves, ambos diretores da TIP Brasil, e a LogBank, empresa do Grupo Stefanini.

Com informações da assessoria de imprensa

Compartilhe

Notícias relacionadas

Blog
Mudança na natureza jurídica da ANPD fortalece aplicação da LGPD
Por Edilma Rodrigues A Medida Provisória (MPV) nº 1.124, de 13 de junho de 2022 assinada pelo...
Blog
Mercado Pago usa tecnologia de segurança da Mastercard para criptos
A carteira digital do Mercado Livre, o Mercado Pago, vai usar
Blog
Ant Group lança banco digital para micro, pequenas e médias empresas em Singapura
O ANEXT Bank, banco digital de atacado de Singapura e parte do Ant Group, anunciou...
Blog
Cetelem vai reduzir 6 mil toneladas de CO² com emissão de cartões reciclados
O Banco Cetelem Brasil emitiu cerca de 370 mil cartões de plástico reciclado, desde o...

Assine o CANTAnews

Não perca a oportunidade de saber todas as atualizações do mercado, diretamente no seu e-mail

plugins premium WordPress
Scroll to Top