Crédito: Canva

FictorPay chega ao mercado de bancos digitais e de adquirência

Empresa aponta lacuna de atendimento personalizado e de melhor qualidade para o segmento das PMEs
O Grupo Fictor, holding de private equity com forte atuação nos mercados de agro, consignado, infraestrutura e energia, com R$ 2,2 bilhões transacionados em 2023, anunciou essa semana sua entrada no mercado de serviços financeiros de adquirência com a FictorPay.
Com investimento inicial em R$ 40 milhões e estimativa de superavit ainda no primeiro semestre da operação, a FictorPay projeta R$ 1 bilhão em transações nos primeiros 12 meses. 

“A FictorPay chega para atender demandas e oportunidades que observamos no mercado e no nosso ecossistema. Internamente, em nossas empresas, temos perspectiva de 4 mil clientes com grande volume de negócios. Além disso, vimos que existe uma lacuna de um atendimento mais personalizado e de melhor qualidade para o segmento das PMEs”, explica Rafael Góis, CEO do Grupo Fictor.

O executivo enumera como PMEs empresas que faturam entre R$ 20 mil e R$ 500 mil por mês, que terão uma oferta dedicada de crédito, meios de pagamento e maquininhas (POS – Point Of Sale) por meio da FictorPay. “Investimos em quatro frentes: desenvolvimento de tecnologia própria, produtos de ponta, preços competitivos e parcerias com as maiores empresas do setor. Tudo isso aliado ao atendimento humanizado, feito por especialistas e com outros canais de comunicação complementares”, complementa Ricardo Abdo, CEO da FictorPay.
Outra vertente de emissão dos cartões será entre os clientes do consignado das cinco empresas – que estão entre as maiores do setor – que fazem parte do Grupo. “Nossa meta nessa área é a emissão de 15 mil cartões por mês no primeiro trimestre com projeção de ticket médio de R$ 500 mensais”, observa Abdo, da FictorPay. 

Parcerias estratégicas

Na estruturação da operação, a FictorPay desenvolveu uma plataforma própria para recebimento de cartões nos terminais POS e pelo e-commerce, por meio de licenças das adquirentes Cielo, PagSeguro e Adiq. A plataforma de banco digital própria da companhia utiliza ainda licenças de parceiros estratégicos, como a Aarin (empresa do Bradesco), o Banco Genial, para contas e serviços bancários, e a Orbitall Payments para o processamento dos cartões.  

(Fonte: Assessoria de Imprensa)
A tendências do universo dos bancos digitais serão exploradas a fundo no fórum Bancos & Banking - dos bancos digitais ao banking anywhere, que acontece no dia 25 de abril, em evento presencial com 9 horas de duração e mais de 30 convidados para debater as tendências globais em bancos digitais e banking em setores não-financeiros. O lote promocional vai até 27/3. RESERVE O SEU LUGAR!

Compartilhe

Notícias relacionadas

TOP 6
Inteligência Artificial pode contribuir em até 5,4% do PIB da América Latina até 2030
Segundo relatório da Allianz Trade número fica atrás dos Estados Unidos e Canadá, que devem...
TOP 6
Valid lança primeiro cartão bancário 100% em braille no Brasil
Os cartões já estão disponíveis para os clientes do Banco do Brasil (BB); equipamento inédito...
TOP 6
Embratel amplia solução de conectividade via satélite para fornecer redundância
Serviço de Banda Larga via satélite proporciona uma camada adicional de backup à rede das...
TOP 6
Banco Central publica próximos passos da regulação de criptoativos
A infraestrutura criada para o Piloto com Tecnologia de Registro Distribuído (DLT) passará a testar...

Assine o CANTAnews

Não perca a oportunidade de saber todas as atualizações do mercado, diretamente no seu e-mail

plugins premium WordPress
Scroll to Top