nota7

EasyCrédito recebe aporte de R$ 2,5 milhões e lança APIs

Por Edilma Rodrigues

A EasyCrédito, fintech que conecta pessoas físicas que precisam de dinheiro com empresas que oferecem empréstimos, cartões e financiamento, anuncia o aporte de R$ 2,5 milhões em uma rodada de investimentos do Criatec 2, fundo gerido pela Crescera Investimentos (anteriormente Bozano). Em nota, a empresa explica que após o aporte, ela criou APIs (interfaces de programação de aplicações) que conectam sua plataforma de análise de crédito com sistemas de empresas que queiram dar acesso a crédito pré-aprovado aos seus clientes, incluindo negativados e desbancarizados.

As APIs permitem que qualquer empresa possa oferecer, no seu canal de venda, a opção de o cliente solicitar análise de crédito junto às instituições financeiras e fintechs parceiras da plataforma da fintech, que hoje são 32. De acordo com a startup, o maior benefício com as APIs será a expansão do seu canal de aquisição de usuários. “Antes, as pessoas interessadas em crédito precisavam entrar no site da empresa e preencher um pedido para receber as propostas,” explica em nota.

Com a utilização das APIs, a meta da fintech é agregar mais de 1 milhão de propostas de crédito em sua plataforma até o final deste ano e chegar a 10 milhões em 2020. Para o CEO da EasyCrédito, Marcos Túlio Ramos, o crédito é uma oportunidade para as pessoas realizarem desejos

A estratégia de expansão da fintech é levar suas APIs a empresas de educação, saúde, e-commerce, marketplaces, corretoras de imóveis e de seguros, além de correspondentes bancários. Para a EasyCrédito, o desafio é mostrar às companhias que a integração de seus sistemas com a plataforma da fintech gera valor para o negócio. Além disso, segundo Ramos, as empresas são remuneradas pela taxa de sucesso de empréstimos realizados pelos seus clientes. Então, isso passa a ser mais uma fonte de receita para elas.

Para o consumidor, a vantagem é obter crédito pré-aprovado, uma vez que a fintech antecipa a análise de crédito. “Quando alguém estiver buscando por um curso de especialização em um website que tenha nossa API, por exemplo, essa pessoa terá a opção de clicar em um botão para avaliar opções de crédito já pré-aprovados que possam ajudá-lo nessa possível aquisição”, comenta Ramos, ressaltando que o crédito adquirido pode ser utilizado, inclusive, para outros fins, como pagamento de contas pessoais.

Com informações da assessoria de imprensa

Compartilhe

Notícias relacionadas

Blog
Mudança na natureza jurídica da ANPD fortalece aplicação da LGPD
Por Edilma Rodrigues A Medida Provisória (MPV) nº 1.124, de 13 de junho de 2022 assinada pelo...
Blog
Mercado Pago usa tecnologia de segurança da Mastercard para criptos
A carteira digital do Mercado Livre, o Mercado Pago, vai usar
Blog
Ant Group lança banco digital para micro, pequenas e médias empresas em Singapura
O ANEXT Bank, banco digital de atacado de Singapura e parte do Ant Group, anunciou...
Blog
Cetelem vai reduzir 6 mil toneladas de CO² com emissão de cartões reciclados
O Banco Cetelem Brasil emitiu cerca de 370 mil cartões de plástico reciclado, desde o...

Assine o CANTAnews

Não perca a oportunidade de saber todas as atualizações do mercado, diretamente no seu e-mail

plugins premium WordPress
Scroll to Top