Com a computação cognitiva, a Judite pode entrar no menu dos serviços bancários

Na contramão do robô da ficção científica que domina a raça humana porque aprendeu a pensar, a computação cognitiva pode levar para os serviços bancários uma atendente como a ‘Judite’ do comercial do iFood. Já imaginou um sistema que conhece tanto o cliente que é capaz de interagir a ponto de questionar e ironizar suas solicitações? Pois é, esta foi uma brincadeira que o Vice-presidente de Tecnologia do Banco do Brasil, Geraldo Afonso Dezena da Silva, fez em sua palestra, no primeiro dia da edição de 2016 do Ciab FEBRABAN.

O fato é que a computação cognitiva diz respeito à capacidade das máquinas entenderem e tomarem decisões, baseada em dados. Tanto o robô dominador como a atendente chata são extremos que além de satirizar a tecnologia, também demostram uma preocupação: as máquinas poderão um dia dominar o homem? Parece que não. Segundo o Cassio Dreyfuss, Vice-Presidente da Gartner Research, é possível garantir que isso não aconteça, utilizando tecnologias logicamente perfeitas, bem como ter preocupações éticas (não substituir o ser humano) e morais.

Dezena da Silva explicou que a quantidade de informações sobre clientes que circula é enorme: mensagens no instagram, redes sociais, etc. Além disso, no Banco do Brasil, são mais de 40 mil transações de clientes por dia, sendo 97% de maneira remota, 32% por smartphone e 28% via internet. Com todo esse volume de dados, as limitações da computação clássica e a capacidade de análise da computação atual não conseguem dar conta do recado. Assim, o Banco do Brasil inicia os primeiros passos da computação cognitiva, agora em 2016, com a integração do BI (Business Intelligence), DW (Data Warehouse), Big Data, com as técnicas de cognição.

Compartilhe

Notícias relacionadas

Blog
Mudança na natureza jurídica da ANPD fortalece aplicação da LGPD
Por Edilma Rodrigues A Medida Provisória (MPV) nº 1.124, de 13 de junho de 2022 assinada pelo...
Blog
Mercado Pago usa tecnologia de segurança da Mastercard para criptos
A carteira digital do Mercado Livre, o Mercado Pago, vai usar
Blog
Ant Group lança banco digital para micro, pequenas e médias empresas em Singapura
O ANEXT Bank, banco digital de atacado de Singapura e parte do Ant Group, anunciou...
Blog
Cetelem vai reduzir 6 mil toneladas de CO² com emissão de cartões reciclados
O Banco Cetelem Brasil emitiu cerca de 370 mil cartões de plástico reciclado, desde o...

Assine o CANTAnews

Não perca a oportunidade de saber todas as atualizações do mercado, diretamente no seu e-mail

plugins premium WordPress
Scroll to Top