nota6

CAIXA Mulheres traz linhas de crédito com taxas diferenciadas para empreendedoras

Por Edilma Rodrigues

A CAIXA lançou nesta terça-feira (19), em Brasília (DF), o programa CAIXA Mulheres, que traz novas linhas de crédito, taxas diferenciadas, anuidade gratuita e apoio à capacitação para fortalecer a atuação desse público no mercado de negócios. O vice-presidente de varejo da instituição, Júlio Volpp, explica que somente em 2019, mais de três milhões de empreendedoras acessaram recursos do banco. 

“Esses empréstimos foram realizados em condições normais de atendimento, que equivalem para homens e mulheres. O que estamos trazendo agora são condições especiais e específicas com prestações menores, prazos diferenciados, sem custo no cartão de crédito e apoio à capacitação e educação financeira. Tudo para trazer esse público para o centro do empreendedorismo”, afirmou Volpp.

A CAIXA informou que está ampliando a rede de parceiros para promover a capacitação de novas clientes e estuda o lançamento de novas linhas de crédito para atender todas as empreendedoras brasileiras.

Para o presidente da CAIXA, Pedro Guimarães, mais do que reforçar o papel das mulheres na sociedade e no mercado de trabalho, essa é uma ação que demonstra a importância que o banco vem dando ao público feminino, que representa 52% dos clientes pessoa física. “Mais da metade dos empregados e clientes da CAIXA são mulheres e temos uma minoria à frente das lideranças. Queremos alavancar esses dados, de forma meritocrática, dando o apoio necessário para que nossas empreendedoras sejam cada vez mais protagonistas no mercado de negócios”, destacou Guimarães.

Incentivo ao empreendedorismo feminino

A CAIXA reservou R$ 5 milhões para empresas com maioria societária feminina para contratação de linha de capital de giro com recursos do PIS, com taxas disponíveis a partir de 0,83% a.m. Para o capital de giro com recursos CAIXA, a taxa também foi reduzida e poderá ser contratada a partir de 1,43% a.m., com prazo máximo de 24 meses, representando queda de 0,16% em relação às taxas praticadas no balcão, como forma de incentivar as empreendedoras.

As microempreendedoras que estão iniciando suas atividades podem obter crédito com taxas de juros a partir de 1,99% a.m. em até 24 meses, em uma linha específica para esse segmento.  Nessa modalidade, para as empreendedoras informais, o valor máximo é de R$ 5 mil, e para as empreendedoras formalizadas como MEI, o valor máximo é de R$ 10 mil. Os pré-requisitos para acessar essas linhas são possuir conta corrente na CAIXA e ter realizado uma capacitação negocial reconhecida pelo banco, sendo que já foram identificadas, na base de clientes ativos, mais de 350 mil mulheres que atendem essas condições.

As condições especiais foram apresentadas durante debate na CAIXA Cultural, que reuniu formadores de opinião, empresárias e representantes do mercado financeiro para falar sobre o poder de atuação e influência da mulher na sociedade brasileira. Com a parceria da CAIXA Seguridade na realização, o evento marcou o Dia Mundial do Empreendedorismo Feminino. 

Fonte: Caixa Notícias

Compartilhe

Notícias relacionadas

Blog
Mudança na natureza jurídica da ANPD fortalece aplicação da LGPD
Por Edilma Rodrigues A Medida Provisória (MPV) nº 1.124, de 13 de junho de 2022 assinada pelo...
Blog
Mercado Pago usa tecnologia de segurança da Mastercard para criptos
A carteira digital do Mercado Livre, o Mercado Pago, vai usar
Blog
Ant Group lança banco digital para micro, pequenas e médias empresas em Singapura
O ANEXT Bank, banco digital de atacado de Singapura e parte do Ant Group, anunciou...
Blog
Cetelem vai reduzir 6 mil toneladas de CO² com emissão de cartões reciclados
O Banco Cetelem Brasil emitiu cerca de 370 mil cartões de plástico reciclado, desde o...

Assine o CANTAnews

Não perca a oportunidade de saber todas as atualizações do mercado, diretamente no seu e-mail

plugins premium WordPress
Scroll to Top