Senior Savings traz educação financeira à terceira idade

Senior Savings traz educação financeira à terceira idade


Em 2019, a Folha de S.Paulo mostrou que três em cada dez idosos entre 65 e 84 anos no Brasil estavam com o nome sujo, com base em pesquisa feita pelo SPC Brasil e Câmara dos Lojistas. 

No mesmo ano, o Estado de S. Paulo trouxe levantamento da Serasa Experian que seguia a mesma linha: enquanto a inadimplência no País tinha aumentado em 2,2%, o número de inadimplentes entre as pessoas acima de 60 anos tinha subido 9,3% — à época, eram 9,5 milhões de pessoas.

Considerando esse cenário, a Cantarino Brasileiro desenvolveu uma ferramenta para educar e orientar a terceira idade financeiramente. Criamos uma rede de educação financeira, formada por mentores, para prevenir fraudes e auxiliar na escolha de produtos voltados para a terceira idade. Uma das grandes sacadas é que nossos parceiros podem patrocinar essa ação e também vincular sua marca à iniciativa.

Além de decodificar termos técnicos financeiros, trazer guias compartilhados e propiciar grupos de apoio, o Senior Savings é um jogo com simulações, dinâmicas em grupo e torneios de educação financeira. Assim, a terceira idade ganha em conhecimento, autonomia, é acolhida, se sente pertencente a um grupo e tem uma ocupação profissional.

Insights CB – Edição nº 05

EditorialDo conceito ESG, agora o foco é a letra S, de social
Insight 1Bancos digitais incluem mais clientes da classe C e jovens
Insight 2Senior Savings traz educação financeira à terceira idade
Insight 3Prêmio Banking Transformation incentiva soluções de inclusão financeira
Insight 4Banco Central lista apps de bancos com recursos de acessibilidade
Insight 5Bancos voltados para a minoria despontam no Brasil
Ponto de VistaInclusão é o nome do jogo. E os bancos digitais estão ganhando


Fique atualizado em relação as principais notícias do setor. Inscreva-se na Newsletter e nos acompanhe nas Redes Sociais (Facebook, Linkedin, Twitter e Instagram).