51% adotaram novos procedimentos após incidentes de falha de segurança

51% adotaram novos procedimentos após incidentes de falha de segurança


Dados coletados pela pesquisa Akamai/Cantarino Brasileiro apontam que 8% dos entrevistados já sofreram algum tipo de quebra de segurança nos bancos em que possuem conta.

E mais: cerca de 20% dos usuários afirmaram ter conhecimento sobre eventos de vazamento de dados ou falhas de segurança nas instituições que possuem conta. O número é maior que em 2020, quando 17% afirmaram ter conhecimento sobre isso.

Nesse sentido, é importante registrar que a ciência das falhas norteia o comportamento do usuário. Assim, apesar de uma pequena parcela dos usuários (10%) ter deixado o banco por conta de incidentes relativos à vazamento de dados, ele está cada vez mais ativo, consciente e exigente ante esse cenário.

No ano passado, 20% dos entrevistados preferiram não fazer nada com relação ao

vazamento ou problemas de segurança sofridos, este ano, o número caiu para apenas 9%, o que mostra uma mudança no comportamento com relação ao uso de informações.

Apesar de 51% dos usuários terem mantido suas contas nas instituições apesar da ciência dos problemas de segurança, constatou-se que eles adotaram novos procedimentos de segurança após o incidente.


Fique atualizado em relação as principais notícias do setor. Inscreva-se na Newsletter e nos acompanhe nas Redes Sociais (Facebook, Linkedin, Twitter e Instagram).