nota5

Big data reduz 0,4% a inadimplência em crédito sobre recebíveis

Por Edilma Rodrigues

A WEEL, fintech de crédito online de antecipação de recebíveis baseada em Big Data, encerrou o primeiro semestre de 2018 com taxa de inadimplência de 0,4% sobre o valor de face das faturas resgatadas. Este índice, segundo nota enviada à imprensa, é mais de duas vezes menor que o 1% registrado pela empresa ao longo de 2017 e caminha na contramão das taxas de inadimplência empresarial medidas pelo Banco Central, que em maio tiveram alta de 9,32%.

A plataforma permite que, em poucos minutos, o interessado em capital de giro simule a operação, verifique suas taxas, de forma automática e gratuita, e tenha a aprovação sem o estresse característico do relacionamento com outras empresas de fomento comercial. De acordo com o fundador e CEO da WEEL, Simcha Neumark, a histórica redução na taxa de inadimplência conquistada por sua empresa é resultado de uma análise de variáveis muito mais sofisticada do que a normalmente empregada por bancos ou por outras fintechs, uma vez que garante a mitigação de risco com maior nível de acerto.

“Ao diminuir as taxas de risco, a WEEL pode oferecer empréstimos mais baratos e de forma surpreendentemente rápida. Nosso modelo de avaliação usa tecnologia analítica aplicada ao ambiente de big data (com 15 mil pontos simultâneos de consulta) e conta com algoritmos exaustivamente testados para a valoração dos ativos, assinala o CEO.

Ainda segundo Neumark, o sucesso da plataforma é creditado à equipe de cientistas de dados da WEEL, formada por profissionais egressos de organizações como a American Express e o Massachusetts Institute of Technology, o MIT. Alcançamos uma marca histórica no Brasil, cuja média é de 4% a 5% de default, afirma o Chief of Risk Officer da WEEL, Yerachmiel Weiss.

Fundada há quatro anos com a proposta de oferecer capital de giro acessível para os pequenos e médios negócios, a WEEL captou R$ 8,5 milhões em investimentos após a participação no Programa Global de Aceleração do Citibank. Segundo a empresa, no último ano, ela mantém taxa de crescimento de mais de 30% ao mês.

Com informações da assessoria e imprensa

Compartilhe

Notícias relacionadas

Blog
Mudança na natureza jurídica da ANPD fortalece aplicação da LGPD
Por Edilma Rodrigues A Medida Provisória (MPV) nº 1.124, de 13 de junho de 2022 assinada pelo...
Blog
Mercado Pago usa tecnologia de segurança da Mastercard para criptos
A carteira digital do Mercado Livre, o Mercado Pago, vai usar
Blog
Ant Group lança banco digital para micro, pequenas e médias empresas em Singapura
O ANEXT Bank, banco digital de atacado de Singapura e parte do Ant Group, anunciou...
Blog
Cetelem vai reduzir 6 mil toneladas de CO² com emissão de cartões reciclados
O Banco Cetelem Brasil emitiu cerca de 370 mil cartões de plástico reciclado, desde o...

Assine o CANTAnews

Não perca a oportunidade de saber todas as atualizações do mercado, diretamente no seu e-mail

plugins premium WordPress
Scroll to Top