Altos e baixos: assim caminha o bitcoin

A mais conhecida criptomoeda, o bitcoin, estava cotado a US$ 4.508,96, às 10h10 da manhã de hoje, e subindo minuto a minuto. De domingo para segunda, o bitcoin teve alta de 0,76%. Na segunda-feira, às 18h35, segundo o Coindesk, o valor do bitcoin era de US$ 4.428,12. Semana passada, noticiamos que o bitcoin estava sendo negociado a US $ 3.894 (http://cantarinobrasileiro.com.br/blog/preco-do-bitcoin-cai-abaixo-de-us-4000-e-bate-sete-dias-de-baixa/), o valor mais baixo observado desde 15 de abril, quando o preço atingiu um mínimo de US $ 3.892. Em 20 de julho, publicamos a nota ‘E esse sobe e desce do bitcoin?’(http://cantarinobrasileiro.com.br/blog/e-esse-sobe-e-desce-do-bitcoin/) que ilustra uma das características das moedas digitais: a volatilidade.

Rumores, forks, baleias bitcoin (sobre a qual falaremos mais na próxima news) e diversos outros fatores influenciam o valor pelo qual as criptomoedas são negociadas. Na semana passada, mais precisamente em 23 de agosto, o Segregated Witness (Segwit) foi ativado. A ativação desse bloco atualiza a rede.

O sócio diretor da Foxbit, Felipe Trovão explica que o Segwit corrige bugs no bitcoin. “Embora não se consiga alterar as transações, existem formas, no software antigo, que permitem mudar algumas características, que poderiam ser confirmadas de uma forma diferente no sistema. Não era modificada em si. A origem, o destinatário e os valores eram sempre os mesmos, mas se conseguia mudar algumas coisas que tornava mais difícil identificar a transação no sistema. O Segwit corrige isso e também permite criar canais de pagamento dentro do bitcoin. Por isso, o Segwit é importante e deveria mesmo ter sido implementado,” avalia.

O Studio Bitcoin explica que o protocolo se destina a realocar as entradas de witness do hash da transação, o que, teoricamente, ajudará a maleabilidade e criará mais espaço no tamanho do bloco. A primeira grande alteração no Bitcoin será a otimização significativa nos blocos, que de acordo com vários desenvolvedores do Bitcoin Core provavelmente diminuirá os tamanhos de bloco do bitcoin em 75%. Uma vez que a ativação do SegWit substitui um grande número de dados tradicionalmente mantidos nas transações de bitcoin, o tamanho das transações diminuirá substancialmente e naturalmente, as taxas ficarão muito mais baratas.

Redução significativa dos períodos de pré-confirmação das transações, eliminação da necessidade de solicitar transações anteriores, o que economiza tempo para os usuários e a redução nos períodos de verificação, que reduzem a probabilidade de ocorrência de possíveis problemas de segurança são algumas das melhorias.

Ainda segundo o Studio Bitcoin, é impossível saber com que rapidez e quando a atualização será efetivamente utilizada. Alguns críticos, talvez mais notadamente Garzik, preveem que a adoção generalizada pode levar até um ano ou mais. Outros, incluindo uma série de desenvolvedores de carteiras, pensam que podem utilizar o recurso dentro de semanas, ou já estão preparados. O importante é que o Segwit está oficialmente ativado, e isto irá trazer naturalmente melhorias significativas para todos.

Com informações de Studio Bitcoin, CoinDesk

Compartilhe

Notícias relacionadas

Blog
Mudança na natureza jurídica da ANPD fortalece aplicação da LGPD
Por Edilma Rodrigues A Medida Provisória (MPV) nº 1.124, de 13 de junho de 2022 assinada pelo...
Blog
Mercado Pago usa tecnologia de segurança da Mastercard para criptos
A carteira digital do Mercado Livre, o Mercado Pago, vai usar
Blog
Ant Group lança banco digital para micro, pequenas e médias empresas em Singapura
O ANEXT Bank, banco digital de atacado de Singapura e parte do Ant Group, anunciou...
Blog
Cetelem vai reduzir 6 mil toneladas de CO² com emissão de cartões reciclados
O Banco Cetelem Brasil emitiu cerca de 370 mil cartões de plástico reciclado, desde o...

Assine o CANTAnews

Não perca a oportunidade de saber todas as atualizações do mercado, diretamente no seu e-mail

plugins premium WordPress
Scroll to Top