Alguns clientes começam a experimentar o Pix em 3 de novembro

Alguns clientes começam a experimentar o Pix em 3 de novembro

Por Edilma Rodrigues

As 762 instituições aprovadas pelo Banco Central para oferecer o Pix iniciam as primeiras transações com o novo meio de pagamento na próxima terça-feira (03), conforme cronograma previamente estabelecido pelo regulador. Esta fase, chamada de operação restrita, precede o efetivo funcionamento dos pagamentos instantâneos, em 16 de novembro, indo até o dia anterior (15). Nesse período, apenas clientes selecionados pelas instituições podem experimentar todas as funcionalidades do Pix, entre elas a de iniciar pagamentos. O BC salienta, no entanto, que qualquer pessoa que tenha uma conta transacional (conta corrente, poupança ou de pagamento pré-paga) nas instituições habilitadas pode receber transferências ou pagamentos desses clientes.

Vale salientar que as transações na operação restrita serão válidas e os recursos serão de fato movimentados entre os usuários. “Mesmo clientes que nunca ouviram falar do Pix, poderão ser surpreendidos no dia 3”, avisa o chefe de divisão no BC, Breno Lobo, que explica: “Pode ser que um cliente receba um valor legítimo na sua conta, caso algum conhecido ou devedor seja um dos clientes selecionados para integrar o período de operação restrita e escolha fazer o pagamento com Pix.”

O chefe adjunto no departamento de Competição e Estrutura do Mercado Financeiro BC, Carlos Eduardo Brandt, comenta que as instituições poderão executar todas as funcionalidades do Pix de forma gradual, com número reduzido de usuários, para que os clientes comecem a se familiarizar com a novidade. 

O BC informa ainda que para os usuários selecionados serão habilitadas as funcionalidades no aplicativo, na opção “Pix”. “O cliente precisa se certificar da necessidade ou não de atualizar o aplicativo da instituição financeira ou de pagamento. Além da opção ‘Minhas chaves’, que já está disponível, estarão acessíveis as opções ‘Pagar com Pix’ e ‘Receber com QR Code’,” complementa a entidade em nota.

Instituições devem informar todos os clientes sobre a operação restrita do Pix

Todos os clientes devem ser informados sobre o período de operação restrita do Pix, inclusive se foram ou não selecionados para usá-lo, além dos horários de funcionamento do Pix no período, que será diferenciado.

Horários de funcionamento durante a operação restrita

Regra geral: das 9h às 22h
Nas quintas-feiras, dias 5 e 12 de novembro: das 9h às 24h
Nas sextas-feiras, dias 6 e 13 de novembro: das 0h às 22h
Fonte: Banco Central

Compartilhe

Notícias relacionadas

Blog
Mudança na natureza jurídica da ANPD fortalece aplicação da LGPD
Por Edilma Rodrigues A Medida Provisória (MPV) nº 1.124, de 13 de junho de 2022 assinada pelo...
Blog
Mercado Pago usa tecnologia de segurança da Mastercard para criptos
A carteira digital do Mercado Livre, o Mercado Pago, vai usar
Blog
Ant Group lança banco digital para micro, pequenas e médias empresas em Singapura
O ANEXT Bank, banco digital de atacado de Singapura e parte do Ant Group, anunciou...
Blog
Cetelem vai reduzir 6 mil toneladas de CO² com emissão de cartões reciclados
O Banco Cetelem Brasil emitiu cerca de 370 mil cartões de plástico reciclado, desde o...

Assine o CANTAnews

Não perca a oportunidade de saber todas as atualizações do mercado, diretamente no seu e-mail

plugins premium WordPress
Scroll to Top