Transformação digital de compliance é caminho para regulador acompanhar nova economia


“Enquanto a inovação começa nos pontos de contato entre os usuários e as plataformas, onde há maior percepção de valor e menor risco, o back office ainda precisa passar por um processo forte de digitalização”, observou Raphael Melo, COO da idwal, no painel Regtechs e o Futuro da Regulação, no Ciab 2019. As regtechs são uma categoria de companhias com soluções tecnológicas para acelerar e assegurar os projetos de conformidade. “É praticamente impossível se ter um programa de proteção de dados sem automação”, constata Patricia Peck, de head Direito Digital e sócia da PG Advogados. “Com a sociedade descentralizada, aumenta a responsabilidade solidária e a combinação de muitos players e sistemas. O trabalho das regtechs é importante para dar segurança a tudo isso”, complementa.

“As tecnologias das regtechs são importantes tanto para as organizações sob regulação quanto paro o próprio”, diz Antônio Berwanger, superintendente da CVM, superintendente da CVM. Diante de aplicações como IA e outras ferramentas de automação, ele menciona que deve haver uma regulação para os reguladores, segundo a qual as normas têm que ser escritas em linguagens compreensíveis por máquinas (um tipo de XML de compliance.)


Fique atualizado em relação as principais notícias do setor. Inscreva-se na Newsletter e nos acompanhe nas Redes Sociais (Facebook, Linkedin, Twitter e Instagram).