Setor financeiro ainda está em estágio inicial na transformação digital


Por Edilma Rodrigues

Levantamento da brasileira Cedro Technologies, que ouviu mais de 100 executivos e gestores de tecnologia da indústria financeira, constata que a maioria das instituições entrevistadas (75,76%) tem projetos em execução. Destes, 25,32% declararam estar em estágio avançado de implementação, mas 74,68% ainda estão em estágio inicial de maturidade em transformação digital.

nota4_extra1

65,31% dos executivos entrevistados mencionaram que seu orçamento para investimentos em tecnologia está maior do que a do ano anterior, enquanto 26,53% mantiveram o orçamento de 2017 e apenas 8,16% diminuíram os recursos para a área em 2018.

nota4_extra2

Quando questionados sobre os desafios enfrentados quanto à transformação digital, o levantamento apontou que a maioria dos executivos (36,72%) respondeu que a cultura organizacional ainda é a principal dificuldade para a implementação da transformação digital em suas empresas. E 21,43% percebem muitas dificuldades também nos fornecedores que ainda não estão preparados para o novo contexto de transformação digital dos negócios.

nota4_extra3

50,56% usam tecnologia cognitiva

As tecnologias cognitivas (capazes de processar informações e de aprender com elas) já são realidade em diversos negócios. 50,56% dos entrevistados afirmam que já usam alguma tecnologia cognitiva, como inteligência artificial, machine learning e computação cognitiva. Dos que já utilizam, 28,88% apontaram a Microsoft como principal parceira de serviços cognitivos e o mesmo número utiliza soluções proprietárias.

nota4_extra4

APIs

A abertura de APIs, possível devido aos investimentos em infraestrutura e nuvem ocorridos nos últimos anos nas organizações, intensificou a preocupação dos executivos de TI quanto à segurança da informação. Preocupação, segundo o levantamento, extremamente superior à experiência do usuário.

De acordo com a nota divulgada sobre o estudo, as instituições investem em abertura de APIs para uniformizar a comunicação entre sistemas e para permitir que terceiros e fintechs possam consumir dados. “A segurança e a padronização das APIs colocou em foco as soluções de API Gateway, levando a 75% das organizações a adotar alguma solução.”

Serviços Cognitivos e Blockchain:

Blockchain e serviços cognitivos estão na pauta diária dos executivos, porém os investimentos para 2018 nestas tendências ainda não foram priorizados. Os serviços cognitivos, embora tenham recebido pouco investimento, já estão presentes em 50% das organizações entrevistadas. “Podemos observar que a maioria das aplicações consomem APIs da Microsoft, IBM, Google ou Alexa, o que facilita e reduz custos na implementação de aplicações,” informa a nota.

Perfil das empresas

49% das empresas entrevistadas têm faturamento inferior a R$ 100 milhões por ano; 25% faturam acima de R$ 100 milhões até R$ 700 milhões, e 26% acima de R$ 700 milhões por ano. Destas empresas, 71% são empresas nacionais e 29% empresas multinacionais estabelecidas no Brasil.

Com informações da assessoria de imprensa


Fique atualizado em relação as principais notícias do setor. Inscreva-se na Newsletter e nos acompanhe nas Redes Sociais (Facebook, Linkedin e Twitter).