Santander adota medidas para minimizar impactos do novo coronavírus e Itaú anuncia postergação e renegociação de dívidas


O Santander Brasil adotou uma série de medidas para minimizar os impactos e colaborar para conter o avanço do novo coronavírus no País. Entre as ações está o aumento de 10% dos limites dos cartões de crédito. O pagamento total do 13º salário dos 47 mil funcionários do banco será antecipado para o mês de abril.

Todos os clientes, correntistas do Banco ou não, que estão em dia com as faturas de seus cartões terão os limites ampliados nos próximos dias. Para saber se a alteração já foi feita, basta utilizar o aplicativo de gestão de cartões Santander Way, via celular ou tablet.

“Neste cenário de incertezas e preocupações, é fundamental zelar pela segurança de todos e dar mais tranquilidade ao cliente na gestão de suas finanças”, afirma Sérgio Rial, presidente do Santander Brasil. “O aumento do limite do cartão de crédito, por exemplo, é uma medida que permite jogar para a frente o pagamento de algumas despesas, o que pode fazer a diferença para quem já teve o orçamento afetado pelas mudanças na conjuntura econômica.”

Além de divulgar massivamente as medidas preventivas, bem como a forma de agir caso apresentem sintomas da doença ou os identifiquem em pessoas próximas, o Banco fará o adiantamento de 100% do 13º salário a todos os colaboradores.

O Santander também está participando da iniciativa de prorrogar por até 60 dias o vencimento de parcelas de crédito, anunciada ontem com base em uma resolução do Conselho Monetário Nacional. Por enquanto, a iniciativa abrangerá algumas linhas de crédito pessoal (CP), preventivo, direto ao consumidor (CDC) e imobiliário. 

“Mais do que ajudar, precisamos cuidar. É com esse olhar que temos adotado ações para minimizar os impactos da propagação do vírus e zelar pelo bem-estar dos nossos funcionários, clientes e da sociedade”, conclui Sérgio Rial.

Santander interrompe atividades em parte das agências

Com o objetivo de reforçar a segurança de clientes e funcionários e minimizar a propagação do novo coronavírus, a partir da próxima terça-feira (24/03) o Santander Brasil irá interromper as atividades em parte de suas agências nas regiões metropolitanas de São Paulo e do Rio de Janeiro, locais com maior número de casos registrados de COVID-19. O horário de funcionamento das agências abertas em todo o País será reduzido em duas horas, das 10h às 14h. 

As medidas também incluem o escalonamento do acesso de clientes ao interior das agências, em grupos de 10 a 20 pessoas por vez, conforme o tamanho da loja, de forma a garantir uma distância mínima de um metro entre todos. Além disso, as agências com maior concentração de pensionistas e clientes idosos poderão adotar um horário exclusivo para o atendimento dessa população mais vulnerável à doença, das 9h às 10h.

O Banco também vai oferecer uma linha de crédito para empresas clientes que decidam adotar a mesma medida para apoiar seus colaboradores.

Parte dos funcionários das agências que serão fechadas entrarão em férias coletivas por 15 dias e, após esse período, está previsto um rodízio com outras unidades, de forma a manter o atendimento ao público das duas capitais. Nas áreas administrativas, o Banco reforçou as ações de higienização e limpeza, e tem ampliado o número de colaboradores em sistema de home office.

“Temos nos esforçado ao máximo para minimizar os impactos para a sociedade em meio a uma crise cujo agravamento é inevitável. Nada é mais importante, neste momento, do que o bem-estar das famílias de nossos 48 mil funcionários, bem como o das 26 milhões de famílias que servimos diariamente”, afirma o presidente do Santander Brasil, Sérgio Rial.

Itaú posterga e renegocia dívidas

O Itaú, por sua vez, informou como ficam as linhas de crédito e o reforço no atendimento virtual.

Empréstimo pessoal e capital de giro

É possível postergar o vencimento da próxima parcela com a assinatura do Itaú Crédito Sob Medida, que permite a alteração da data original. Assim, o cliente irá repactuar seu contrato e, no momento de escolha da nova data de vencimento, poderá prorrogar por até 60 dias o pagamento.

Itaú Crédito Sob Medida

Quem já tem o produto contratado também pode renegociar o vencimento da sua próxima parcela, optando por pagá-la 60 dias depois da data originalmente acordada. 

Empréstimo com garantia investimento

O cliente pode pagar antecipadamente as duas próximas parcelas utilizando a garantia (seus investimentos), sem alterar as condições das próximas parcelas. 

Financiamento de imóveis e veículos

O cliente que possui um financiamento em dia pode postergar o pagamento da sua próxima parcela por 60 dias. Durante este período, será mantida a mesma taxa de juros, sem a cobrança de multa.

Cheque especial e cartão de crédito

Tais produtos já contam com alternativas de parcelamento previstas na oferta de cada item, cujas condições podem ser conferidas nos aplicativos, no site e nas centrais de atendimento do banco.

Canais digitais

O banco reforça ainda que – com os Canais Digitais (App Itaú, App Light, Itaú empresas e Itaú na internet) – os clientes conseguem ter acesso remoto aos serviços financeiros, com comodidade e segurança, de qualquer parte do mundo. Entre os serviços disponíveis, estão: transferências, pagamento de cartões e boletos (vencidos ou não), desbloqueio de senha de cartão de crédito e débito, acompanhamento de pedido de cartões, consulta de saldo e extrato, de fatura de cartão, de comprovantes e investimentos, além de renegociação de dívidas. 

Mais informações, estão disponíveis em: https://www.itau.com.br/emprestimos-financiamentos/ [itau.com.br] e https://www.itau.com.br/canais-itau/aplicativo-itau/ [itau.com.br]

Com informações das assessorias de imprensa


Fique atualizado em relação as principais notícias do setor. Inscreva-se na Newsletter e nos acompanhe nas Redes Sociais (Facebook, Linkedin, Twitter e Instagram).