Bitcoin pode valer US$ 8.187 ainda este ano, diz analista


Para quem se assustou com o rali de 333% do bitcoin nos oito primeiros meses de 2017, prepare-se para voos ainda mais altos. Os gráficos indicam um futuro ainda mais promissor para a moeda. Segundo o analista técnico da Rico Corretora, Rodrigo Cohen, a moeda digital pode ir em busca dos US$ 8,187 ainda este ano – o que significaria praticamente dobrar de valor em relação à cotação atual (perto dos US$ 4.300). Ele afirma que pela sequência do Fibonacci* esse seria o alvo para a moeda nos próximos meses.

Cohen explica que nos últimos dias a moeda ultrapassou uma região importante nos US$ 4,348, o que abriria caminho para buscar, em um primeiro passo, os US$ 5,133, onde fica uma expansão de 161,8%. No entanto, essa trajetória de curto prazo ficou um pouco comprometida com a queda desta sexta-feira (8), embora não inviabilize o cenário de médio prazo.

“A tendência se mantém altista, mesmo com a queda recente, mas vale ficar de olho na região dos US$ 4,339, que está sinalizada no gráfico em vermelho. A perda desse nível poderia abrir espaço para buscar alvos mais baixos. De qualquer forma, não vejo nenhuma queda muito forte”, comentou. Para ele, quedas poderão ser vistas como oportunidades de compra, dado que a tendência continua para cima, mas lembra da importância do investidor respeitar o seu “stop loss” caso o ativo caia mais.

Veja abaixo o gráfico traçado pelo analista:

*Sequência de Fibonacci é uma sucessão infinita de números inteiros, normalmente começando por 0 ou 1, na qual cada termo subsequente corresponde à soma dos dois anteriores. Assim:0, 1, 1, 2, 3, 5, 8, 13, 21, 34 ….

Fonte: Infomoney


Fique atualizado em relação as principais notícias do setor. Inscreva-se na Newsletter e nos acompanhe nas Redes Sociais (Facebook, Linkedin e Twitter).