Beneficiários do auxílio emergencial podem usar serviços financeiros do PicPay


Por Edilma Rodrigues

Caixa firma acordo de integração com o PicPay para que cerca de 59 milhões de beneficiários do auxílio emergencial possam usar a carteira digital brasileira para compras com o celular, pagamento de contas e boletos, saques imediatos no Banco24Horas, entre outros serviços. Uma das vantagens é que o dinheiro deixado como saldo no aplicativo rende diária e automaticamente 100% do CDI. E a carteira digital tem um método de pagamento à distância, feito pelo celular sem contato físico com dinheiro ou maquininhas, o que é importante nesse momento de isolamento social. 

Em nota, o PicPay explica que com a poupança social digital da Caixa, criada para o pagamento dos 600 reais, os beneficiários podem efetuar gratuitamente transferências ilimitadas entre contas do mesmo banco e três transferências gratuitas por mês para outras instituições. Bem como dois saques gratuitos por mês em terminal de autoatendimento e unidades lotéricas. 

Com o PicPay, o saque digital é imediato e pode ser feito nos 23 mil terminais do Banco24Horas, sem necessidade de enfrentar filas, mas as transferências são gratuitas e ilimitadas apenas para outros usuários da carteira. O beneficiário também pode usar o dinheiro para comprar em 2,5 milhões de estabelecimentos comerciais com o celular (locais que aceitem diretamente o PicPay ou tenham máquinas da Cielo e Getnet); pagar contas diversas (de luz, água, telefone e boletos bancários); acessar serviços como pagamento de estacionamentos, recarga de celular e do cartão de transporte público e comprar em e-commerces que aceitam pagamentos com PicPay.

Para usar a carteira digital, é preciso baixar o app PicPay nas lojas de aplicativos Google Play, para celulares Android, ou App Store, para sistema iOS; criar um perfil e cadastrar na plataforma o seu cartão virtual de débito Elo, oferecido pelo banco. 

Com informações da assessoria de imprensa


Fique atualizado em relação as principais notícias do setor. Inscreva-se na Newsletter e nos acompanhe nas Redes Sociais (Facebook, Linkedin, Twitter e Instagram).