Assaí lança maquininhas de cartão isentas de taxas e de aluguel


Por Edilma Rodrigues

Pouco mais de um ano após a criação do cartão de crédito Passaí, voltado para os clientes pessoa física de suas lojas, o Assaí Atacadista em parceria com a FIC, joint venture do Itaú Unibanco e do GPA, lança maquininhas para cartão de crédito e débito. Batizada de Passaí, os terminais são isentos de aluguel e não têm taxa de adesão. “Para facilitar a utilização, as Maquininhas Passaí são equipadas com conexão via chip e wi-fi e não precisam de celular para funcionar,” explica nota da empresa.

O foco do Assaí são médias e pequenas empresas, além dos profissionais liberais, que representam parcela importante do seu público-alvo. O Atacadista mantém relação de parceria com esses negócios, sejam eles com atuação no segmento de transformação (pizzarias, restaurantes, food trucks e autônomos do ramo alimentício, por exemplo) ou em pequenos e médios estabelecimentos comerciais (como mercearias e mercadinhos de bairro).

Inicialmente, serão dois modelos: uma mais compacta, para o empreendedor usar onde e como quiser; e outra maior, ideal para quem trabalha em estabelecimentos comerciais com um volume de vendas mais significativo. Neste primeiro momento, o Assaí disponibiliza os dois modelos em sua unidade na Avenida Jacu-Pêssego, região leste da cidade de São Paulo. “No mesmo espaço onde já disponibiliza o cartão Passaí. Mais adiante estenderá a oferta dos equipamentos para mais duas lojas (São Mateus e São Miguel). Até o início de novembro, o serviço será expandido para as demais localidades do Brasil.

As lojas da empresa serão o canal de distribuição das Maquininhas Passaí. A promessa é que os clientes já saiam com o equipamento funcionando na hora. O Assaí criou também o programa de incentivo Cashback Passaí, que gera créditos para compras, de acordo com a venda realizada por meio dos equipamentos. A taxa de 10% do MDR, cobrada por transação, é convertida em pontos. Cada ponto equivale a R$ 1 e os créditos gerados, com validade de 36 meses, podem ser convertidos em compras nas lojas do Assaí. Para resgatar, basta informar o CPF, que será inserido no terminal do caixa para resgate imediato do valor disponível. A Maquininha Passaí também permite fazer recargas para celular, serviço que gera mais fluxo e mais receita para o estabelecimento.

Com informações da assessoria de imprensa


Fique atualizado em relação as principais notícias do setor. Inscreva-se na Newsletter e nos acompanhe nas Redes Sociais (Facebook, Linkedin e Twitter).