As cinco fintechs internacionais mais promissoras para 2019


Estamos nas garras de uma revolução de fintechs e 2019 será um ano crucial, com desenvolvimentos sísmicos que variam do tumulto do Brexit ao início da GDPR, da implementação do open banking, também conhecida como PSD2, e a evolução contínua dos serviços baseados em blockchain.

É justo dizer que o mercado de fintechs prospera. Há uma grande variedade de startups que transformam como os consumidores usam a tecnologia e redefinem sua experiência em serviços financeiros.

Aqui estão cinco fintechs, apontadas pelo Finestra, para se prestar atenção em 2019 e são além de disruptivas e jovens, tornaram-se recentemente unicórnios.

Trussle 

Em busca de reformular o setor de serviços de corretagem e de hipoteca está a Trussle. Com mais de 11 mil negociações de hipotecas disponíveis em mais de 90 credores, encontrar a melhor hipoteca pode ser uma tarefa assustadora.

A Trussle tira todos esses aborrecimentos para você e pode ajudar os consumidores a economizar até £ 4 mil por ano. O que torna este serviço de busca de hipoteca ainda melhor é que a Trussle encontra o melhor negócio, monitorando constantemente o mercado, e emitindo alertas quando um negócio melhor se torna disponível.

No ano que vem, espera-se mais da Trussle, já que parece que vai trabalhar em funcionalidade de open banking para acelerar ainda mais o processo de hipoteca para os clientes.

Circle 

“A nova forma do dinheiro”. A Circle é uma plataforma de pagamento peer to peer onde os clientes podem enviar e receber pagamentos via aplicativo e agora até mesmo no iMessage!

Recentemente levantou US $ 100 milhões, elevando a avaliação da fintech para quase US$ 3 bilhões. O próximo na agenda da Circle é focar em um dos maiores problemas do mundo cripto: sua instabilidade.

As ambições da Circle para 2019 são ajudar a tornar os pagamentos tão fáceis quanto usar as mídias sociais e mudar o relacionamento que temos com o dinheiro.

Monzo

Recém integrante do clube de unicórnios, a Monzo é a próxima da lista das melhores startups de tecnologia financeira para se observar em 2019. Agora, com mais de um milhão de clientes e uma avaliação superior a £ 1 bilhão, a Monzo

Em 2019, a Finestra acredita que a Monzo começa a dar passos no sentido de se tornar lucrativa pela primeira vez. Desde que bateu o recorde de 1 milhão de libras em apenas 96 segundos, está claro que os investidores da Monzo estão nisso a muito tempo.

A Monzo ganhou prêmios em duas categorias no UK Digital Experience Awards. Se continuar assim, 2019 pode ser o ano em que os maiores bancos do Reino Unido começam a ficar um pouco mais preocupados.

Receipt Bank

Após seis anos de crescimento consistente, o Receipt Bank provou claramente que seu software de contabilidade na nuvem veio para ficar. Os usuários do Receipt Bank podem baixar relatórios e planilhas e planejar ou mesmo integrar o serviço ao seu próprio software de contabilidade na nuvem.

A oferta de softwares fáceis de implementar que ajudam empresas como a xDesign, uma agência de desenvolvimento de aplicativos móveis, economiza tempo e dinheiro e automatiza contas e despesas.

Uma previsão segura seria o sétimo ano consecutivo de crescimento da Receipt Bank e crescimento contínuo para essa excitante startup de tecnologia financeira.

TrueLayer

Com apenas cerca de dois anos de existência, a TrueLayer encontrou sucesso ao apoiar outras fintechs. Ao ajudar startups menores a acessar dados bancários, a TrueLayer conseguiu recentemente garantir US$ 7,5 milhões em financiamento.

2019 deve ser um grande ano para a TrueLayer, com mais startups em busca de ter as vantagens do open banking e de potenciais novos mercados europeus para entrar em muitos mais negócios que devem liderar o caminho da TrueLayer.

O mercado de fintechs em 2019

Tudo, desde transferências peer-to-peer (P2P), know your customer (KYC) e APIs inteligentes, ao open banking e o uso de blockchain para se posicionar sobre a infraestrutura legada dos bancos e mais, trará as maiores mudanças ao sistema financeiro em décadas.

2019 para o mercado de fintechs certamente estará cheio de inovação. Será interessante ver como a combinação de serviços humanos e automação robótica funcionam e se podem trabalhar em harmonia.

As fintechs estão no comando e esperamos cada vez mais desse grupo dinâmico de empresas, a cada ano.

Fonte: Finestra

Tradução e adaptação: Edilma Rodrigues


Fique atualizado em relação as principais notícias do setor. Inscreva-se na Newsletter e nos acompanhe nas Redes Sociais (Facebook, Linkedin e Twitter).