Aconteceu na semana


Mutant lança projeto para conectar startups às principais empresas do Brasil
11 de julho

A Mutant, empresa expert em customer experience, lança o programa Mutant Garage, que tem o objetivo de acelerar startups na criação de produtos, serviços ou soluções exclusivamente voltadas a experiência do consumidor. As inscrições podem ser feitas até 26 de julho em formulário disponível no site https://mutantbr.com/garage/. As informações das startups serão submetidas a uma avaliação para participação no projeto. Entre os benefícios oferecidos aos participantes estão o contato com 250 mentores da rede global da Ace; participação em uma comunidade de mais de 300 empresas aceleradas; e equity free, ou seja, a Mutant não fará investimentos na startup. Durante todo o programa, os empreendedores poderão contar com soluções de marketing, relacionamento com clientes, atendimento, retenção, fidelização, entre outros serviços. O Mutant Garage vai facilitar o acesso dos participantes aos seus 200 clientes, as maiores companhias do Brasil no ramo de telecomunicações, banda larga, TV por assinatura, bancos, seguradoras, saúde e transporte. “Para as startups, é uma alternativa inteligente, pois eles podem economizar em torno de R$ 500 mil com ferramentas de automação marketing, gestão e outras ferramentas necessárias para potencializar uma empresa”, explica o head de inovação da Mutant e um dos criadores do projeto, Eduardo Gallo. 

Com informações da assessoria de imprensa

Relatório Mundial de Riqueza da Capgemini 2019: patrimônio das pessoas com alta renda declina US$ 2 trilhões após 7 anos de crescimento
11 de julho

O estudo World Wealth Report 2019 (WWR), publicado pela Capgemini, revela que após sete anos de crescimento contínuo, o patrimônio total das pessoas com alta renda ou HNWIs (High Net Worth Individual) diminuiu 3% em 2018. O grupo de pessoas com, no mínimo, US$ 1 milhão de patrimônio sofreu perdas em grande parte devido à queda na riqueza na região da Ásia-Pacífico (especificamente na China), declínio que causou redução de US$ 2 trilhões em todo o mundo. O Brasil, também sentiu os reflexos dessas perdas, porém experimentou 8% no crescimento na população de alta renda, pulando de 171,5 mil pessoas para 185,5 mil, apesar do volume de riqueza cair 3%. A riqueza dos HNWIs diminuiu em quase todas as outras regiões: 4% na América Latina, 3% na Europa e 1% na América do Norte. No entanto, o Oriente Médio contrariou a tendência, gerando crescimento de 4% no patrimônio dos HNWIs e aumentando a população de alta renda em 6% devido ao forte crescimento do PIB e desempenho do mercado financeiro. Similar ao ano anterior, os mercados com as maiores populações de HNWIs – Estados Unidos, Japão, Alemanha e China – representaram 61% do total da população global de indivíduos de alta renda. 

Com informações da assessoria de imprensa

CSU anuncia nova Superintendente de Recursos Humanos
10 de julho

A CSU, empresa de prestação de serviços de alta tecnologia voltados ao consumo, relacionamento com clientes, processamento e transações eletrônicas, comunica a chegada da executiva Cristina Lima para ocupar o cargo de Superintendente de recursos humanos para atração e seleção de projetos gerenciais e executivos e pilares estratégicos de RH. Cristina é graduada em Engenharia Elétrica pela UERJ e MBA em Business Management pela Fundação Dom Cabral. Começou sua carreira na área de negócios e, há cerca de 15 anos, acumula experiência em gestão de talentos e recrutamento estratégico. Ela vai se reportar diretamente ao CFO da CSU, Ricardo Ribeiro Leite.

Com informações da assessoria de imprensa

Fintech brasileira traz economia para operações cambiais de empresas
10 de julho

O TransferHub, fintech lançada em abril deste ano que permite negociar o spread embutido nas transações cambiais tradicionais e reduzir tarifas de importadoras, afirma que traz economia para essas operações. Segundo a empresa, em uma transferência de US$ 30 mil para o exterior, por exemplo, com dólar comercial cotado a R$ 3,90, o valor total com o TransferHub seria R$ 117.150 – com um custo de spread de R$ 0,005 por dólar e zero de tarifa –, enquanto nos bancos custaria em média R$ 118.200. A economia gerada, portanto, fica em torno de mil reais. “Os custos da transação são muito mais competitivos, principalmente para as PMEs, que na maioria das vezes não conseguem melhores condições com as instituições bancárias. Além disso, o cliente fecha o câmbio com apenas quatro cliques, o que representa um ganho de agilidade se comparado ao processo com o operador por telefone ou via internet banking”, assinala o sócio-fundador, Rafael Mellem. A meta da fintech, criada pela corretora Dourada, para o primeiro ano é alcançar o faturamento de R$ 4 milhões ao mês, com uma carteira de duas mil empresas.

Com informações da assessoria de imprensa

KPMG: investimento em tecnologia crescerá em todas as empresas
10 de julho

Quase a metade (44%) das organizações esperam fazer uma mudança essencial em seus modelos de produtos e serviços nos próximos três anos por motivo de ruptura digital e a necessidade de se aproximar do consumidor. A informação, constante do estudo Harvey Nash / KPMG CIO Survey 2019, realizado pela KPMG, mostra que, na era digital, não é surpresa descobrir que mais líderes de TI relatam aumentos de orçamento do que em qualquer outro momento nos últimos 15 anos. De acordo com a pesquisa, este ano uma grande parte das organizações aumentou em 55% os investimentos em tecnologia, maior nível atingido desde 2010. Além disto, as empresas têm aplicado mais em tecnologias emergentes. O estudo ainda mostra que tema tecnologia e inovação estão cada vez mais presentes nas pautas do conselho de administração. As questões sobre o crescimento do crime cibernético e a redução da confiança no tratamento da ameaça também são apresentadas no estudo. Este ano, esses incidentes permaneceram estáveis e o nível de confiança mostrou um crescimento. Para ver o estudo na integra, acesse: home.kpmg/br/pt/home/insights/2019/06/harvey-nash-kpmg-cio-survey-2019.html

Com informações da assessoria de imprensa

Trojan bancário Emotet tem mais de 30 mil variantes em todo o mundo
10 de julho

A G Data, fornecedora de soluções antivírus, distribuídas no Brasil pela FirstSecurity, identificou a existência de mais de 30 mil variantes do trojan bancário Emolet somente no primeiro semestre de 2019, superando o volume registrado em todo o ano de 2018. Os criminosos estão criando variantes em intervalos cada vez menores com a ajuda das técnicas Packer, Crypter & Protector, que permitem proteger o malware da análise por sistema antivírus e que dão ao trojan uma nova aparência, dificultando a detecção por soluções de segurança. No ano passado, a G Data havia identificado cerca de 28 mil versões do Emolet, uma média de cerca de 76 versões por dia. O Emotet Trojan é uma das ameaças mais comuns e perigosas para as empresas e usado principalmente por criminosos para espionagem empresarial. Após a infecção inicial, outros malwares, como o Trickbot ou o ransomware Ryuk, são usados para concluir o ataque aos sistemas e dados corporativos.

Com informações da assessoria de imprensa

Samsung Pay adiciona sete parceiros ao seu programa de recompensas
10 de julho

Samsung anunciou uma série de parcerias para o programa de recompensas do Samsung Pay, o Samsung Rewards. Ao todo são sete novos parceiros que entram na plataforma: Onodera, Evino, Instaviagem, QVML, Armazém RR Bijoux, James Delivery e Duo Gourmet. As parcerias duram até o dia 27 de setembro – ou até o fim dos estoques dos cupons – e podem ser acessadas dentro do aplicativo do Samsung Pay. Em conversa recente com o Mobile, Paulo César Nascimento, head do Samsung Pay no Brasil, disse que uma das principais apostas para incrementar o uso da carteira móvel no Brasil era fortalecer o Samsung Rewards. Historicamente, o programa de recompensa deu mais de 30 mil acessórios premium da Samsung, fez parcerias com vouchers do Outback e de cafeterias e distribuiu mais de 20 milhões de pontos no Multiplus, desde o começo de sua operação.

Fonte: Mobile Time

Bolsonaro aprova Autoridade Nacional de Dados
10 de julho

O presidente Jair Bolsonaro sancionou, nesta terça-feira (09), o texto que altera a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD, número 13.709/2018) e cria a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD). Vetou parte do projeto que tramitou por Câmara e Senado, incluindo questões consideradas importantes, como a obrigação de revisão por pessoa natural e a desobrigação de entendimento jurídico do principal responsável pela gestão de dados. O texto consolidado atualiza a definição de direitos em relação a dados pessoais, estabelecendo diferenças para a gestão dessas informações entre instituições públicas e privadas. A lei também retirou a condição de que um pedido de revisão de dados por usuário seja feito unicamente por uma “pessoa natural”. Sendo assim, se um usuário exigir, por exemplo, a exclusão de suas informações em determinada plataforma ou numa campanha, um sistema automatizado poderá analisar a questão. O novo texto derrubou ainda a obrigatoriedade de conhecimento jurídico-regulatório por parte do principal responsável pela gestão de dados nas empresas, conhecido geralmente como data protection officer (DPO). As companhias ou instituições ficarão livres para contratar ou nomear para essa função o perfil que acreditarem serem mais apropriado.

Fonte: Meio & Mensagem

Com 379 votos favoráveis, Câmara aprova texto-base da reforma da Previdência
10 de julho

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou em primeiro turno, nesta quarta-feira (10), o texto-base da proposta de reforma da Previdência (PEC 6/19). Foram 379 votos a favor e 131 contra a matéria. Na quinta-feira (11), a câmara continuou a votação em sessões extraordinárias dos destaques, uma vez que apenas um deles foi apreciado na quarta-feira, que era uma emenda do deputado Wellington Roberto (PL-PB) que pretendia retirar os professores das mudanças impostas pela PEC, mantendo-os nas regras atuais. A emenda foi rejeitada por 265 votos a 184. 

Fonte: Agência Câmara Notícias

Brasileiros já pagaram R$ 1,3 trilhão em tributos aos cofres públicos em 2019, aponta Impostômetro ACSP
10 de julho

Às 5h30 da manhã desta quarta-feira (10), o painel do Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) atingiu a marca de R$ 1,3 trilhão, com 11 dias de antecedência em relação ao ano passado. O valor corresponde ao total de impostos, taxas, multas e contribuições pagos pelos brasileiros desde o primeiro dia do ano para a União, os estados e os municípios. O Impostômetro foi implantado em 2005 pela ACSP para conscientizar os brasileiros sobre a alta carga tributária e incentivá-los a cobrar os governos por serviços públicos de mais qualidade. Está localizado na sede da ACSP, na Rua Boa Vista, centro da capital paulista. Outros municípios e capitais se espelharam na iniciativa e instalaram seus painéis. No portal www.impostometro.com.br é possível acessar diversas informações.

Com informações da assessoria de imprensa

Grupo DB1 participa do TDC 2019 e procura talentos para preencher 85 vagas
10 de julho

Durante o evento para desenvolvedores de software “The Developers Conference”, que acontece de 16 e 20 de julho, na Universidade Anhembi Morumbi, a equipe de gestão de pessoas do Grupo DB1, formado por empresas de tecnologia sediadas em Maringá – PR, Presidente Prudente – SP e, em breve, Campo Grande – MS, apresenta a empresa em busca de novos talentos em desenvolvimento de software, já que está com 85 vagas abertas. Além de contar com a presença do Tinbot, primeiro robô brasileiro interativo que reúne Inteligência Artificial, Cognição e IoT (Internet of Things), acelerada pelo Grupo DB1. O robô foi desenvolvido para exercer a função de Scrum Master que, em português seria o equivalente ao papel de gerente de projetos ou líder técnico, cujo objetivo é melhorar a eficiência e desempenho das equipes de desenvolvimento de software. Por meio de um link, os desenvolvedores poderão programar o Tinbot por meio da linguagem Tico-tico (desenvolvida pelo criador do Tinbot, Marco Diniz Garcia Gomes) e disponibilizada a todos. Também será possível que o desenvolvedor crie um programa a parte para que o Tinbot interaja com outros sistemas.

Com informações da assessoria de imprensa

FGV recebe inscrições para vestibular 2020
09 de julho

As inscrições para o vestibular 2020 da Fundação Getulio Vargas já podem ser feitas pela internet até o 8 de outubro. A instituição abriu 1.121 vagas, distribuídas pelas escolas do Rio de Janeiro, São Paulo e, pela primeira vez, em Brasília, que terá o curso de administração pública. Outra novidade é a abertura da graduação em ciência de dados, no Rio, oferecido pela Escola de Matemática Aplicada. Os vestibulandos também podem concorrer às vagas via ENEM, com inscrições abertas até 10 de janeiro de 2020. Mais uma novidade do próximo processo seletivo é a possibilidade de ingresso na Escola de Economia de São Paulo (FGV EESP) por meio do ENEM, como já fazem todas as demais escolas da instituição. Os candidatos também poderão ingressar nas escolas, exceto na de Matemática Aplicada, por meio de processos seletivos internacionais, com inscrições válidas também até 10 de janeiro de 2020. As inscrições para todas as escolas da FGV serão aceitas exclusivamente pela internet, no site fgv.br/vestibular, onde o candidato encontrará a íntegra dos editais.

Com informações da assessoria de imprensa

Getnet lança serviço de inteligência para clientes
08 de julho

A Getnet, empresa de tecnologia do grupo Santander, acaba de lançar um serviço de inteligência de informações aos clientes: o GetData. A solução de gestão entrega um panorama completo do desempenho do negócio e comportamento de compra dos consumidores de acordo com o mercado de atuação do negócio e visão do segmento em que atua. Com dados globais da Mastercard e tecnologia Getnet, o serviço oferece também dicas de estratégias para impulsionar as vendas. “O GetData amplia o portfólio de produtos e serviços da Getnet que atende desde o grande até o pequeno comércio. Agora, o cliente pode contar com inteligência de dados para ajudá-lo na definição das melhores estratégias de crescimento do seu negócio”, afirma Silvio Santana, vice-presidente de Negócios & Marketing da Getnet. Pelo GetData o cliente encontra informações como: média de consumo no comércio, média de visitas no local e clientes recorrentes. Além disso, a plataforma entrega análises completas de consumo, com dados demográficos separados por idade, sexo e renda do público.

Fonte: E-commerce News


Fique atualizado em relação as principais notícias do setor. Inscreva-se na Newsletter e nos acompanhe nas Redes Sociais (Facebook, Linkedin, Twitter e Instagram).